13/11/2012

Acampamento Estadual FLICTS V 2012

O acampamento aconteceu na Fazenda Caxinguelê, de 7 a 10 de junho, na cidade de Itapecerica da Serra

Flicts V

Neste ano a Federação de Bandeirantes do Brasil – São Paulo promoveu a quinta edição do acampamento estadual FLICTS! Com um pouco de chuva e um pouco de lama, 476 Bandeirantes brincaram, aprenderam, montaram barraca e cozinha, cantaram, dançaram, cozinharam, passaram um pouco de frio, acordaram um pouco molhados, mas, acima de tudo, vivenciaram a Metodologia Bandeirante idealizada por Baden-Powell – aprenderam com amigos, na natureza e em equipe!

O acampamento aconteceu na Fazenda Caxinguelê, de 7 a 10 de junho, na cidade de Itapecerica da Serra (cidade próxima à capital paulista). Em quatro dias de acampamento, os quatro ramos fizeram atividades com temas diferentes, mas todas remetiam às origens do Bandeirantismo.

O Ramo Ciranda aprendeu com “João e Maria na Terra da Magia”; resgatando a essência da História da Ciranda, 70 crianças tiveram ajuda de seres mágicos para encontrar a magia da floresta encantada e a sábia coruja e assim vivenciando as leis da ciranda descobriram que podem ser crianças melhores sendo boas fadas e bons magos.

Os 94 B1s que participaram do Flicts descobriram que a “A Lua é Flicts”. Um astronauta tinha sido bandeirante caiu na fazenda, justo no início do acampamento, e mostrou aos B1s como era o Movimento Bandeirante antigamente e trouxe prá eles um pouco da sua experiência – e os B1s até ganharam um pedacinho da Lua!

Os B2s aprenderam sobre “As origens de BP” – com 97 bandeirantes, o maior ramo do acampamento! Nas atividades, vivenciaram esportes, histórias, guerrilhas de BP na África e teve até jogos indígenas! Aprenderam também resolução de conflitos de formas não violentas, afinal BP foi um grande herói de guerra, mas ele próprio recorreu a formas pacificas de defesa e valores, com a criação do Bandeirantismo.

Já o Ramo Guia, com 82 participantes, vivenciaram as “Virtudes”; com as atividades, aprenderam sobre as principais virtudes, as formas de lutar por elas (e até passar um pouco de frio no rio!) e constatar que são essenciais para que sejam Bandeirantes de verdade.

Todos juntos também participaram de Oficinas, chamadas de Praças da Cidade FLICTS, onde fortaleceram conhecimentos sobre a Rio+20, aprenderam formas diferentes de contar histórias, de fazer artesanato, de escrever em códigos entre outros momentos. O ponto emocionante do acampamento foi o Fogo de conselho, em volta da fogueira muitas histórias foram contadas, cantadas e vividas o que manteve acesa a chama do nosso amor e amizade pelo movimento bandeirante.

Para que o acampamento saísse bom como realmente saiu foi necessária uma grande e capacitada equipe trabalhando dia e noite; antes, durante e depois do acampamento! Foram 93 coordenadores e 40 Staffs – e foram incansáveis na preparação das atividades, na separação dos materiais, na preparação da comida e em toda infraestrutura que um acampamento deste porte exige.

Outra atração foram os convidados de outros estados – Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e Distrito Federal fizeram com que o Flicts ficasse ainda mais animado!

Para finalizar, um agradecimento muito especial aos núcleos que se mobilizaram, se prepararam, fizeram campanhas financeiras e participaram do Flicts com garra e animação. Aos Núcleos Acauã, Alto de Pinheiros, Assis, Avanhandava, Bororos, Cidade Azul (que ganhou o Prêmio Espírito Bandeirante!), Conde de Prates, Grupo Escola da Família de Mairiporã, Itatiaia, Jequitibá, Piratininga, Santos e São Bernardo. Muito obrigada!

E até o próximo Flicts!

Leia também

19/07/2017

Movimento Bandeirante e Surya Solidária atuando juntos

Atividade em Asilo foi cheia de carinho e atenção

15/02/2017

Foi dada a largada aos Treinos em São Paulo!

Treino de Técnica de Campo I é o primeiro da Trilha de Formação do Voluntário em 2017.

11/11/2016

Guias de São Paulo criam o ComuniClã

ComuniClã: Equipe de Comunicação dos Guias de São Paulo.